Chipa paraguaia

Minha versão do famoso biscoito de polvilho. Típico do Paraguai e Argentina, semelhante ao nosso pão de queijo. É feito com o polvilho doce e fica bem sequinho por fora e macio por dentro. Amassado a mão e rápido de fazer. Dê a forma de ferradura para identificar este famoso biscoito paraguaio, mas muito brasileiro.

chipa3x

Ingredientes
200g de polvilho doce
2 colheres de sopa de manteiga
1 ovo
1 colher de fermento
sal
leite (total cerca de 6 colheres)
150g de queijo meia cura ralado

Preparo
Misture o ovo, manteiga temperatura ambiente, fermento, sal e 3 colheres de leite.
Junte o polvilho.
Adicione o queijo ralado e mais 3 colheres de leite.
Misture com as mãos até ficar uma massa homogênea.
Assadeira untada ou forrada com papel manteiga.
Pegue pequenas porções da massa, faça rolinhos e corte os pedaços formando uma ferradura. Com delicadeza coloque na assadeira (os primeiros são mais difíceis depois vai embora).
Asse por 15-20 minutos em forno a 180 graus.

 

 

Pubblicato in pães&biscoitos/pani&biscotti, queijos, salgadinhos, Senza categoria, vegetariano | Contrassegnato , , , , | Lascia un commento

Bolachinhas do Elói

Organize estes ingredientes em casa, dá para fazer muitas bolachinas com esta receita (depende do tamanho), saudável, nutritiva, fibrosa e principalmente super gostosa.

bolacha2new

Ingredientes
80g de óleo de coco
100g de açúcar tipo mascavo
1 ovo
80g farinha de trigo branca
80g de farinha integral
80g aveia em flocos
1/2 colher de sal
1 colher de chá de fermento ou 1/2 colher de bicarbonato + 1/2 colher sal amoniaco
suco de 1/2 limão para dar o ponto.

Preparo
Misture todos os ingredientes, com uma colher e para dar o ponto junte o suco de limão. Fica uma massa firme que não chega grudar. Faça bolinhas com as mãos, e ponha em uma assadeira forrada com papel oleado ou levemente untada.
Asse por 10 a 15 minutos a 170 graus. Até ficar dourado, quando esfria endurece.

Pubblicato in doces/dolci, Senza categoria, tortas | Contrassegnato , , , , , | Lascia un commento

Salada de radiche e funcho

Salada perfeita para as festas! Deliciosa e refrescante, receita da minha  irmã Simone, cozinheira de mão cheia!!

salada radiche new

 

Ingredientes

1 maço de radiche roxo
1 bulbo de funcho
Castanha do Pará ou avelã
1 limão
vinagre balsâmico denso
lascas de parmesão
azeite de oliva
sal a gosto

Preparo
Lave as folhas de radiche, enxugue-as bem e corte em tirinhas. Lave o funcho, elimine as partes mais duras cortando em quadradinhos.
Em um recipiente, tempere com sal, suco de limão e azeite. À parte corte em pedacinhos pequenos a castanha ou avelãs torradas. Misture tudo e acrescente o vinagre e as lascas de parmesão.

Pubblicato in saladas, Senza categoria, vegetariano, verduras/verdura | Contrassegnato , , | Lascia un commento

Bolachinhas húngaras de avelãs (Hanselnßstangen)

As mais saborosas!!

Cozinhando em Roma

A receita é de Judy, minha amiga húngara que mora em Roma e ela disse que é muito tradicional por lá. A massa é fácil de fazer e de trabalhar, deve ser espessa pelo menos um centímetro e precisa tomar cuidado para não ficar muito escura. Fica bem sequinha, mas só quando esfria, portanto primeiro deixar esfriar e depois tirar da assadeira. Mas o melhor de tudo é o sabor, é muito boa, fragrante, adorei!

(rendimento 30 bolachinhas)

bolachinas hungaras-6newIngredientes
100g de manteiga
150g de açúcar
2 gemas
1pitada de sal
125g de avelãs moídas
200g de farinha de trigo mais ou menos
1 gema para pincelar

bolachinas hungaras-3newPreparo
Misture e bata bem a manteiga com o açúcar, depois junte as gemas e a pitada de sal.
Quando estiver tudo bem misturado junte as avelãs e a farinha. A massa deve ficar homogênea.
Deixe meia hora na geladeira para descansar.
Abra com…

View original post 43 altre parole

Pubblicato in Senza categoria | Lascia un commento

Geleia de morangos fácil

Essa receita é perfeita!!!

Cozinhando em Roma

Esta receita diminui o tempo no fogo pela metade, e mantém o sabor a cor e a consistência do moranguinho. A particularidade é que deve-se deixar os morangos com açúcar por 8 a 10 horas ao menos. Deixo à noite na geladeira. Depois cozinha-se separado o caldo e enfim junta-se os morangos. Provar para ver! Receita da Benedetta com algumas adaptações para o nosso paladar! 

geleia7nIngredientes
2 kg de morangos
750 g de açúcar
3 colheres de suco de limão (aqui se usa muito, mas não é obrigatório)

geleia1nPreparo
Lave e corte em pedaços pequenos os dois quilos de morangos.
Pese 750g de açúcar e junte apenas 250g aos morangos (reserve o resto) e o suco de limão. Misture bem e deixe em um recipiente por 8 -10 horas (melhor de um dia para outro) na geladeira.
Depois desse tempão, formou bastante caldo, então coe o caldo reservando os morangos.

View original post 84 altre parole

Pubblicato in Senza categoria | Lascia un commento

Massa com pesto de rúcula

dav

 Ingredientes
500 g de massa
250g cerca 2 maços de rúcula
1/2 xícara de pistaches
4 colheres de parmesão
5 colheres de azeite
1 dente de alho pequeno
1 pimentinha vermelha 

Preparo
Enquanto a massa cozinha, prepare o pesto.
Bata no liquidificador a rúcula (não pode estar molhada), os pistaches, o parmesão, azeite, alho e pimenta. Coloque junto um cubo de gelo para não escurecer a rúcula. Bata até ficar bem cremoso, se for preciso acrescente um pouco mais de azeite.
Cozinhe a massa nos minutos indicados na embalagem, escorra separando uma xícara da água da fervura.
Escorra a massa e coloque em um recipiente (fora do fogo), junte o pesto e aos poucos a água da fervura que for necessária para deixar cremosa (½ xícara mais ou menos).
Misture tudo muito bem, controle o sal e sirva com alguns pistaches inteiros por cima.

 

Pubblicato in Senza categoria | Lascia un commento

Macarrão com molho de pato

Tem que ser chamado de macarrão, pois a receita clássica deste prato vêneto, é feita com a massa com ovos. No Vêneto usa-se o macarrão “bigoli”, fiz com tonarelli que é uma massa meio quadradinha bem parecida. O molho não tem segredo mas tem um pequenos truques para deixar mais saboroso.

pato

Ingredientes
600 g de massa com ovos (de preferência)
600 g de pato (usei sobrecoxa e peito)
1 cebola média
1 cenoura
salsão
sálvia
alecrim
½ copo de vinho tinto
azeite
sal e pimenta do reino

Preparo
Tire a pele do pato, corte em tirinhas, frite no óleo, depois reserve sobre um papel absorvente.
Pique a carne do pato em pedacinhos.
Coloque em uma panela 2 colheres de azeite e a carne do pato e deixe dourar 2-3 minutos.
Agora junte a cebola, cenoura e salsão bem picadinhos e um pouco de sal.
Acrescente o vinho tinto e deixe reduzir por alguns minutos. Junte a sálvia e o alecrim a gosto.
Deixe cozinhar pelo menos 15-20 minutos, acrescentando pouca água se necessário.
Cozinhe o macarrão com bastante água com uma colher cheia de sal.
Escorra, reserve um pouco da água.
Junte ao molho, e acrescente água da massa (se necessário) para ficar cremoso.
Sirva com as tirinhas de pele por cima e queijo parmesão de boa qualidade.

Pubblicato in arqueologia culinária, massas/pasta, Senza categoria | Contrassegnato , , , , | Lascia un commento

Bolinho de chocolate (petit gateau/ tortino di cioccolato)

Receita super fácil, sem erro. Mais fácil com as forminhas de papel manteiga ou silicone, porque não precisa untar, mas fica ótimo de qualquer jeito. Faça uma prova em seu forno, para que fique com o “coração” molinho. Asse um e depois os outros. Do forno vai direto para a mesa com o acompanhamento de sua preferência:

Pode ser acompanhado com: açúcar confeiteiro, nata batida, chantilly, frutas frescas picadinhas (laranja, morangos, mamão, melão, maçã etc). Prepare antes o acompanhamento!

tortino

Eu servi com um molhinho de framboesa, que aqui se encontra facilmente.
100g de frutas e 2-3 colheres de açúcar, e 2-3 colheres de água.
Deixe ferver por 8 minutos e depois passe na peneira e sirva com o bolinho.

Ingredientes
200g de chocolate amargo (pelo menos 50%)
125g de manteiga derretida
120g de açúcar
50g de farinha de trigo
3 ovos
1 colher de rum (opcional)
manteiga para untar as forminhas se forem necessário

Preparo
Misture a manteiga e o chocolate derretidos.
Depois o açúcar, os ovos e a farinha peneirada. Bata tudo muito bem (pode ser à mão).
Agora junte o rum ou outro aroma de sua preferência.
Coloque nas forminhas untadas.
Leve assar com o forno quente 200 graus por 8-10 minutos (no meu é 8).
Tire do forno e vire logo num pratinho para servir.

 

Pubblicato in doces/dolci, geleias, sobremesas, vegetariano | Contrassegnato , , , | Lascia un commento

Gnocchi al pomodoro – Nhoque com molho de tomate

Um clássico que não pode faltar no blog. Receita inspirada na prática, portanto a única questão deve ser a quantidade de farinha que depende da batata usada. Aconselho preparar antes o molho e para tirar os nhoques da panela e por diretamente no molho, não o molho no nhoque! 🙂

nhoque

Ingredientes
1 kg de batatas
1 ovo
400g de farinha de trigo (mais ou menos)
sal

Preparo
Coloque a água para ferver os nhoques em uma panela grande.
Cozinhe as batatas com casca, tire a casca e passe no espremedor ainda mornas.
Coloque o sal e o ovo.
Agora espalhe na bancada colocando aos poucos a farinha até ficar uma massa lisa e homogênea que não grude.
A quantidade de farinha depende da batata, mas tente colocar o menos possível para os nhoques ficarem macios.
Agora faça rolinhos compridos na bancada enfarinhada, e corte mais ou menos do mesmo tamanho.
Aos poucos junte o nhoques na água fervendo e salgada com um fio de óleo.
À medida que subirem à tona, retire-os com uma escumadeira e coloque diretamente no molho de tomate. Mexa delicadamente e sirva com parmesão.

Molho de tomate
400g de tomates “pelati”
3 tomates frescos bem maduros
3 colheres de azeite
½ dente de alho moído
1 colher de açúcar
sal e pimenta
manjericão

Preparo
Junte todos os ingredientes  e deixe ferver com fogo baixo por 15 minutos.

 

Pubblicato in massas/pasta, vegetariano | Contrassegnato , , , , , , | Lascia un commento

Bolachinhas de gengibre para o Natal

O sabor e perfume típicos do Natal. O açúcar mascavo dá um gostinho caramelizado. Quando sai do forno o aroma se espalha por toda a casa… uma maravilha. Receita super boa, que faço há um tempão. Para fazer bolachinhas, vale a pena investir no “papel manteiga”, o resultado é mais garantido e evita-se gorduras para untar a forma, que alteram o sabor.

dav

Ingredientes
300g farinha
130g manteiga
80 açúcar confeiteiro
80g de açúcar mascavo bem escuro
2 gemas
2 colherinhas rasas:
de bicarbonato,
de gengibre em pó
de canela em pó
de cravo em pó
1 colherinha de noz moscada e boa pitada de sal.

Preparo
Junte todos os ingredientes em uma vasilha.
Misture com as mãos muito bem até ficar homogênea.
Geralmente não precisa acrescentar mais farinha, mas depende dos ingredientes.
Agora deixe descansar na geladeira, coberta com um plástico pelo menos por 2 horas.
Abra a massa com um rolo, entre duas folhas de papel manteiga (fica mais fácil), e deixe mais espessa, não fininha.
Dê a forma desejada às bolachinhas, e leve assar a 180 graus por 8-10 minutos em forma forrada.
Ela fica crocante quando esfria, cuidado para não queimar.
Deixe esfriar e cubra com o glacê de açúcar confeiteiro.

Glacê de açúcar confeiteiro:
250 g de açúcar confeiteiro
2 a 3 colheres de leite
Coloque o açúcar em uma vasilha e junte aos poucos o líquido, pode ser leite, suco de laranja ou limão, também pode-se colocar corante de alimentos. Misture com uma colher até ficar bem denso (tudo frio). Cubra as bolachinhas e enfeite com motivos natalinos.

 

Pubblicato in arqueologia culinária, doces/dolci, Natal, pães&biscoitos/pani&biscotti | Contrassegnato , , , | Lascia un commento